Popmídia Talentos

BLOG TALENTOS | CONSULTORIA | VITRINE | INFORMATIVOS | PALESTRAS | HOMEVIDEO | QUEM SOMOS | CONTATO


Nossos Heróis

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
DESTAQUE
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 

Passeio cultural - Museu da TAM
Será no próximo dia 11/2, sábado, partindo de São Paulo. Vagas para 15 pessoas.
Com mais de 20.000 m2 de área e com a chancela de ser o maior museu de aviação do mundo mantido por uma companhia aérea privada. O Museu TAM conta com mais de 90 aeronaves entre pioneiros, clássicos, jatos e caças, a maioria em plenas condições de vôo, além de simuladores, túnel multimídia, Espaço TAM Kids, Espaço propulsão, Torre de Controle, Espaço Moda e uma ala dedicada exclusivamente a trajetória evolutiva da própria TAM. É entrar em um túnel do tempo com destino a uma experiência única ao passado na qual fazemos questão de guiá-lo.
Saiba aqui como participar >>

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------+ NOTÍCIAS
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 

Cão paraquedista do Exército Brasileiro
Assista esta matéria veiculada no do Fantástico http://ow.ly/7IVvW

---

Jovem narra 2a. Guerra pelo Twitter http://bit.ly/ulIn8O

---

Batalha de Monte Castello
[Wikipédia] A Batalha de Monte Castello foi travada ao final da Segunda Guerra Mundial, entre as tropas aliadas e as forças do Exército alemão, que tentavam conter o seu avanço no Norte da Itália. Esta batalha marcou a presença da Força Expedicionária Brasileira (FEB) no conflito. A batalha arrastou-se por três meses, de 24 de novembro de 1944 a 21 de fevereiro de 1945, durante os quais se efetuaram seis ataques, com grande número de baixas devido a vários fatores, entre os quais as temperaturas extremamente baixas.
Leia mais aqui >>
---

Força Expedicionária Brasileira
[Wikipédia] A Força Expedicionária Brasileira, conhecida pela sigla FEB, foi a força militar brasileira de 25.334 homens que lutou ao lado dos Aliados na Itália, durante a Segunda Guerra Mundial. Constituída inicialmente por uma divisão de infantaria, acabou por abranger todas as forças militares brasileiras que participaram do conflito. Adotou como lema "A cobra está fumando", em alusão ao que se dizia à época que era "mais fácil uma cobra fumar do que o Brasil entrar na guerra".
Leia mais aqui >>

---

Vitória, enfim
Como previsto, o ataque começou às 6 horas da manhã. O Batalhão Uzeda seguiu pela direita, o Batalhão Franklin na direção frontal do Monte e o Batalhão Sizeno Sarmento aguardava, nas posições privilegiadas que alcançara durante a noite, o momento de juntar-se aos outros dois batalhões.
Leia mais aqui >>

---

Vitória, volta da FEB e fim do Estado Novo
No final de novembro, os soldados brasileiros receberam a missão de conquistar uma elevação na região dos Apeninos: Monte Castelo. A campanha dos Aliados na Itália, aliás, foi essencialmente travada em montanhas e colinas. Para que os Aliados pudessem alcançar Bolonha, era preciso romper a Linha Gótica: um complexo defensivo dos alemães, formado por fortificações nos montes Apeninos. Se conseguissem romper a Linha Gótica, os Aliados poderiam utilizar uma estrada conhecida como Rota 64.
Leia mais aqui >>

---

Crônicas de Guerra – Sozinho no Monte Castelo
Minha lembrança de Monte Castelo foi a de um avião alemão que passou a pouco mais de 50 metros sobre minha cabeça, disparando quatro metralhadoras simultaneamente, contra os alvos: eu e a metralhadora Ponto 50 – que era minha especialidade. Estava guarnecendo a rota 64, que levava a Monte Castelo. Essa infiltração aérea alemã custou a vida dos seis soldados que me acompanhavam. Como por milagre, sobrevivi, e hoje faço esta narrativa.
Leia mais aqui >>

---

Nossos velhos heróis
Pais heróis e mães heroínas do lar. Passamos boa parte da nossa existência cultivando estes estereótipos. Até que um dia o pai herói começa a passar o tempo todo sentado, resmunga baixinho e puxa uns assuntos sem pé nem cabeça. A heroína do lar começa a ter dificuldade de concluir as frases e dá de implicar com a empregada. O que papai e mamãe fizeram para caducar de uma hora para outra? Fizeram 80 anos.
Leia mais aqui >>

---

<< Anteriores

Camisetas

Senta a Pua
---
DVD

Senta a Pua!

---

DVD

A Cobra Fumou

---


© 2012 Popmídia Promoções & Talentos